publicidade

Pesquisar

PAM Salgadinho oferta especialidades odontológicas e garante assistência em saúde bucal aos usuários

PAM Salgadinho oferta especialidades odontológicas e garante assistência em saúde bucal aos usuários
Em média, 1.620 usuários são atendidos por mês. Foto: Victor Vercant/SMS

Reconhecido por ser a maior unidade de média complexidade do Nordeste, o PAM Salgadinho, localizado no bairro do Poço em Maceió, possui quinze blocos com atendimentos especializados em saúde. Entre os serviços ofertados à população está o Centro de Especialidades Odontológicas (CEO), encontrado no Bloco F da unidade.

O serviço de Endodontia estava suspenso desde 2017 e com a chegada da pandemia do novo coronavírus, outros serviços odontológicos também ficaram sem funcionar. No entanto, em 2021, após cinco meses da nova gestão, a Prefeitura de Maceió voltou a oferecer no CEO todas as especialidades relativas à saúde bucal, garantindo o compromisso e cuidado com os maceioenses.

Além da Endodontia, as outras especialidades que passaram a ser ofertadas no PAM Salgadinho são Periodontia, Radiologia, Prótese Total, Odontopediatria, Estomatologia e atendimentos para pacientes com necessidades especiais e Cirurgia Buco Maxilo, concentrados no Bloco F e realizados por 28 profissionais.

O Bloco I – local para tratamento de pacientes com HIV e outras Infecções Sexualmente Transmissíveis (ISTs) – também dispõe de um consultório odontológico exclusivo para o atendimento desses pacientes. Ao todo, o CEO possui onze consultórios e um laboratório de prótese dentária.

Segundo a gerente de Saúde Bucal da Secretaria Municipal de Saúde, Ducy Lily Farias, o serviço especializado disponibilizado no CEO assegura ao usuário o cuidado integral à saúde. “O PAM Salgadinho contava com sete consultórios odontológicos, hoje em dia já temos onze instalados que funcionam nos blocos F e I. É muito importante oferecer ao usuário todas as especialidades odontológicas porque garantimos o cuidado integral ao paciente, como está preconizado pelo Ministério da Saúde na política Nacional de Saúde Bucal e nos princípios do SUS, para que todo cidadão tenha direito ao acesso ordenado e organizado, de forma gratuita e com qualidade, aos sistemas de saúde”, explicou.

Ducy Lily Farias, gerente de Saúde Bucal da Secretaria Municipal de Saúde. Foto: Victor Vercant/Ascom SMS
Ducy Lily Farias, gerente de Saúde Bucal da Secretaria Municipal de Saúde. Foto: Victor Vercant/Ascom SMS

Para Sandrine Vieira, cirurgiã-dentista e coordenadora do Centro de Especialidades Odontológicas, a atenção integral aos usuários é primordial durante a realização do atendimento. “Enquanto coordenadora do bloco F percebo a importância de ofertar um serviço especializado aos usuários, pois garante a integralidade das ações de saúde, em que esse mesmo usuário vem referenciado do atendimento básico e no CEO é garantido o serviço de acordo com a especialidade ao qual foi encaminhado. Após a realização do procedimento há uma contrarreferência, onde o paciente retorna à Unidade Básica de Saúde, ao profissional que o encaminhou, para continuar o tratamento previsto”, destaca.

Sandrine Vieira, cirurgiã-dentista e coordenadora do Centro de Especialidades Odontológicas (CEO). Foto: Victor Vercant/Ascom SMS
Sandrine Vieira, cirurgiã-dentista e coordenadora do Centro de Especialidades Odontológicas (CEO). Foto: Victor Vercant/Ascom SMS

No início da ampliação dos serviços, a expectativa era de que Maceió atendesse, mensalmente, aproximadamente 700 pessoas, com previsão de aumento gradativo nos números de procedimentos. Atualmente, a demanda chega a 1.620 usuários atendidos por mês, sendo 405 usuários a cada semana.

Usuários aprovam o serviço

A dona de casa Josefa Messias da Silva esteve no Centro de Especialidades Odontológicas (CEO) do PAM Salgadinho para retirar os pontos da cirurgia que o filho Marcos Willamis, de 18 anos e portador do Espectro Autista fez, há uma semana, para a extração de um dente.

Ela encontrava dificuldade para garantir um atendimento odontológico para o filho na região em que reside, no Trapiche da Barra, especialmente por conta do comportamento inquieto característico do próprio autismo, descobriu o atendimento no CEO há cerca de um ano, por indicação de outra mãe que tinha um filho com necessidades especiais atendido no local.

“Por conta da medicação forte, meu filho sempre teve problemas nos dentes e se queixava de dor frequentemente. Eu ficava de mãos atadas porque não tinha para onde levar, nem dinheiro para pagar consulta particular, até saber que aqui meu filho poderia ser atendido, mesmo com as dificuldades que apresenta. Aqui o atendimento é maravilhoso e a equipe toda é preparada para atender bem os pacientes, principalmente os que têm necessidades especiais. Estou muito satisfeita”, relata.

Enquanto aguardava para ter seu retorno agendado, após a realização de uma pequena cirurgia para a extração de um dente, o agente de prevenção de perdas Márcio Henrique Souza também falou sobre o atendimento no CEO do PAM Salgadinho.

Ele não tinha conhecimento que o Município dispunha, pelo SUS, do atendimento especializado em diversas áreas da odontologia e foi realizar o procedimento no CEO com expectativa bem negativa, certo de que iria perder a manhã inteira na ação. Oriundo da Unidade Básica de Saúde Maria Tereza Holanda, no Ouro Preto, ele ficou surpreso com a rapidez com que foi atendido e realizou o procedimento.

“Pensei que eu ia passar a manhã toda por aqui, mas fui muito bem acolhido pela equipe e pelo cirurgião-dentista, e o procedimento foi feito rapidamente. Fui surpreendido positivamente com o atendimento odontológico especializado aqui no PAM Salgadinho”, comenta.

O usuário Márcio Henrique Souza também aprovou o atendimento. Foto: Victor Vercant/ Ascom SMS
O usuário Márcio Henrique Souza também aprovou o atendimento. Foto: Victor Vercant/ Ascom SMS

Como ter acesso ao CEO

Todas as especialidades do Centro de Especialidades Odontológicas (CEO) são marcadas nas próprias Unidades Básicas de Saúde (UBS) por meio do Sistema Gestor de Regulação (SGR), exceto consultas para próteses dentárias, que são marcadas no próprio PAM Salgadinho.

Na UBS, o paciente é avaliado por um clínico geral. Na ocasião, o profissional avalia o caso e, havendo necessidade, encaminha o paciente ao CEO. A própria unidade realiza o agendamento para o centro especializado pelo SGR.

VEJA TAMBÉM